O REINO DE DEUS JÁ CHEGOU… (Lc 11,14-23) – Texto de Antônio Carlos Santini, da Comunidade Católica Nova Aliança.

faceA onda racionalista que se alastra pelo Ocidente – inclusive em setores da Igreja! – esforça-se por negar a existência de anjos e demônios. Aquilo que se conhecia como ação demoníaca – tentação, infestação, possessão, sujeição – passou a ser explicado como doenças físicas (epilepsia) ou mentais (pulsão psicológica, alucinação individual ou coletiva).
Entretanto, não se pode negar uma evidência bíblica: um dos “sinais” de que o Reino de Deus “está entre nós” é o ministério da libertação espiritual, que inclui os exorcismos e a expulsão de demônios. O próprio Jesus se refere a este ministério em numerosas passagens do Evangelho. Assim, ao enviar os apóstolos em missão, ele “convocou os Doze e deu-lhes poder e autoridade sobre todos os demônios e para curar todas as doenças” (Lc 9,1)
Regressando da missão, os apóstolos se admiravam desse poder: “Senhor, até os demônios nos obedecem por causa do teu nome!” (Lc 10,17) E Jesus responde: “Eu vi Satanás cair do céu como um relâmpago” (Lc 10,18)
Desde a primeira hora, a Igreja fundada por Jesus assumiu com destemor este ministério de libertação. Encontramos prova disso nos Atos dos Apóstolos. Foi assim na missão do diácono Felipe: “De muitos possessos saíam os espíritos maus, dando grandes gritos” (At 8,7) O apóstolo Paulo exorciza uma jovem escrava possuída por um espírito de adivinhação (cf. At 16,18). Em sua defesa perante o rei Agripa, Paulo relata seu encontro com Jesus e a missão dele recebida, que incluía a missão junto aos povos pagãos “para que se convertam da autoridade de Satanás para Deus” (cf. At 26,18).
Nos últimos tempos, verifica-se a disposição da Igreja de reavivar o ministério dos exorcistas, que chegou a ficar esquecido e, às vezes, ridicularizado. Em abril de 2015, a Rádio Vaticano anunciava: “Um curso de exorcismo vai ensinar a combater a possessão demoníaca a sacerdotes, religiosos e também leigos. Vai começar no dia 13 de abril a 10ª edição do curso ‘Exorcismo e oração de libertação’. Padres, médicos, psicólogos, professores e agentes pastorais receberão instrumentos de formação para administrar este temas, por vezes obscuro, e aprender a lidar com casos de possessão distinguindo-os de problemas de natureza psiquiátrica.
Depois do sucesso mundial das últimas edições e em plena sintonia com as advertências do Papa sobre a ação do demônio, o curso deve alertar para os enganos de falsos ‘adivinhos’ que abusam da confiança de suas vítimas.”

Orai sem cessar: “Senhor, tu és meu auxílio e meu libertador!” (Sl 70,6)

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s